Bases na Lua.

Agosto 15, 2009

Eu não havia nascido em 1968, na época da corrida espacial.  Talvez se tivesse vivenciado tudo aquilo não estaria na posição de dúvidar.

Acredito que exista um grande segredo na história da corrida espacial. Não tenho certeza se o homem chegou lá, se viu bases, ou se já morou por lá em outros tempos. Sei apenas que alguma grande coisa foi encoberta devido aos fatores políticos da época. (normal na Guerra Fria). Tal segredo deu margem a invenção de teorias malucas.  Todas as teorias preenchem a lacuna que existe na mal explicada corrida espacial.

Dave Darling, astrônomo amador, munido de um refletor de 12e 1/2 polegadas, observou:
“Existe uma convicção crescente de que a Lua é a base de operações da atividade de UFOs vista em nossos céus.” Ele relatou os seguintes avistamentos: Um grande objeto em forma de charuto em 16 de abril de 1979, à uma da madrugada, com aproximadamente 16 quilômetros de comprimento e 2,5 metros de diâmetro. Sua cor era prata metálica, projetando uma sombra distinta sobre a superfície lunar. Estava localizado próximo da cratera Isidorus, próximo do Mar de Néctar. O objeto em forma de charuto aterrissou a cerca de 80 quilômetros do pôr-do-sol.
Novamente, em 12 de agosto de 1979, às 3:45 da madrugada, Darling informou outro objeto em forma de charuto brilhante, desta vez além da beirada da cratera Romer. Esse objeto tinha mais 32 quilômetros de comprimento, era também de cor metálica prateada, apresentando dois apêndices em forma de asa projetando-se de cada lado, com um quarto de seu comprimento. Depois, o objeto desapareceu do terraço plano no lado oeste da beirada da cratera. Há algum tempo, o sr. Darling chamou minha atenção para uma plataforma grande que ele observara ao sul da cratera Arquimedes. A plataforma tem oito quilômetros de comprimento, cerca de 1,6 quilômetro de largura, apresentando elevação de cerca de 1.500 metros.

O falecido George Adamski, escritor famoso e astrônomo amador, fotografou pelo menos oito quadros lunares, de 1948 a 1952, mostrando atividade de UFO sobre a Lua ou próximo dela. Todas as fotografias foram tiradas por meio de telescópios.

(fonte: Rodrigo Veronezi)

A Revista UFO tratou justamente desse assunto chamando nossa atenção.

capa145g

Abaixo uma foto do que dizem existir  na Lua.  Essa foto é parecida com o vídeo que apresentamos no videocast. Nele vemos antigas ruínas.

zzzzzzzzzzzzzlua88

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: